Pompeo de Mattos pede explicação a superintendente da Santa Casa de Misericórdia de Birigui

Pompeo de Mattos pede explicação a superintendente da Santa Casa de Misericórdia de Birigui

A Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga denúncias e supostas irregularidades na concessão do seguro DPVAT ouviu, nesta terça-feira (2/08), em audiência pública, o Administrador do Hospital Nossa Senhora da Conceição, da cidade de Tubarão (SC), Artur José Hummel, e o Superintendente da Santa Casa de Misericórdia de Birigui (SP), Antônio Carlos de Oliveira.

De acordo com o colegiado, as entidades sofrem denúncias de fraudes, como falsificação de laudos médicos, assinaturas e boletins de ocorrência, registradas por autoridades policial e judicial.

Membro da CPI, o pedetista Pompeo de Mattos (RS) questionou o superintendente da Santa Casa, Antonio Carlos de Oliveira, sobre a auditoria que está sendo realizada para detectar possíveis fraudes na irmandade. Segundo o deputado, há um erro no processo. “Ao meu ver, essa auditoria teria que ter sido feita dos últimos cinco anos, não apenas dos três, como está sendo informado aqui nesta CPI”.

Pompeo de Mattos alertou que o seguro DPVAT é de grande amplitude e atinge a todos, e por isso deve ser tratado com responsabilidade.

Ascom Lid./PDT