Idilvan Alencar propõe reserva de vagas para alunos da rede pública no ITA

Idilvan Alencar propõe reserva de vagas para alunos da rede pública no ITA

Uma das principais instituições de ensino superior do Brasil na área de Engenharia, o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), poderá ter que destinar cinquenta por cento das vagas do vestibular da instituição a alunos da rede pública de ensino. A iniciativa (PL 89/24) é do deputado pedetista Idilvan Alencar (CE).

Além da reserva das vagas, Idilvan Alencar propõe que os candidatos oriundos da rede pública aprovados no vestibular dentro do número de vagas destinadas à ampla concorrência não serão contabilizados entre os beneficiados das vagas reservada.

“O ITA é reconhecido nacional e internacionalmente pela excelência de sua formação acadêmica e pela contribuição significativa para o avanço científico e tecnológico no Brasil. Entretanto, é inegável que a representatividade de estudantes provenientes de escolas públicas nessa instituição ainda é desproporcional em relação aos estudantes de escolas particulares”, justificou.

O instituto foi fundado em 16 de janeiro de 1950 e tem uma única unidade localizada em São José dos Campos, interior de São Paulo, onde oferece formação em Engenharia Aeronáutica, Engenharia Eletrônica, Engenharia Mecânica-Aeronáutica, Engenharia Civil Aeronáutica, Engenharia da Computação e Engenharia Aeroespacial.