Cultura torna Isaias Alves de Almeida Patrono da Psicologia Educacional brasileira

Cultura torna Isaias Alves de Almeida Patrono da Psicologia Educacional brasileira

Baiano de Santo Antônio de Jesus, o educador Isaias Alves de Almeida é declarado na Comissão de Cultura da Câmara como o Patrono da Psicologia Educacional do Brasil. A iniciativa é do deputado Félix Mendonça Júnior (PDT-BA), que apresentou o Projeto de Lei 5071/16 com esta finalidade.

O relatório do deputado Chico D´Ângelo, que condecorou Isaias Alves, foi aprovado nesta quarta-feira (4) na Comissão de Cultura da Câmara.

Isaías Alves nasceu em 29 de agosto de 1888. Aos quinze anos, foi para Salvador estudar Colégio Carneiro Ribeiro e cursou o ensino secundário, tendo como mestre o próprio Carneiro Ribeiro – educador e filólogo conhecido pelas disputas com Rui Barbosa.

Formado em Direito com apenas dezessete anos, iniciou-se no magistério como professor primário do Ginásio Ipiranga, onde lecionou por vinte e um anos. Em seguida, foi transferido para a cátedra de Psicologia Educacional da Escola Normal. Com a docência, Isaías chegou à Psicologia da Educação.

Em 1926 publicou seu primeiro livro, “Teste Individual de Inteligência”, obra que defendia a utilidade de testes de inteligência para organizar as classes escolares de uma forma mais homogênea. “É em reconhecimento a essa contribuição que propomos esta homenagem, que deve inspirar aqueles que se dedicam à psicologia em sua relação com a educação”, declarou Félix Mendonça Júnior.

Ascom Lid./PDT