André Figueiredo critica ação da polícia contra manifestantes

André Figueiredo critica ação da polícia contra manifestantes

O deputado André Figueiredo (PDT-CE) denunciou, nesta quarta-feira (25/05), em Plenário, a ação policial, a qual considerou truculenta, contra os manifestantes que vieram de várias partes do Brasil para participar do ato contra o governo Temer e em defesa das eleições diretas.

Segundo Figueiredo, ele e outros parlamentares foram atacados com bomba de gás lacrimogênio quando participavam da manifestação. Para André, se havia pessoas infiltradas na mobilização, “que a polícia se dirigisse a eles e não atacasse de forma desmedidas a todos que lá estavam.”

André Figueiredo ressaltou que a multidão atacada em pleno exercício da democracia estava exigindo a saída de Michel Temer.  “Temer não tem mais condições de ficar, e quem diz isso não é só a oposição. Vários deputados da base tentam sustentar a defesa do indefensável”.

Para André, é preciso ter altivez e respeito por dezenas de milhares de pessoas que vieram participar, pacificamente, da manifestação.  “Quero um Brasil para frente e para os brasileiros. Acabemos, como dizia Brizola, com o “vergonhódromo” que virou boa parte de nossas instituições. Nós não iremos nos calar. Temos a responsabilidade de representar o povo brasileiro”, asseverou.

Ascom Lid./PDT