A pedido de Flávia Morais, Comissão debate tratamento da mielofibrose

A pedido de Flávia Morais, Comissão debate tratamento da mielofibrose

Nesta terça-feira (29), a Comissão de Combate ao Câncer no Brasil debate o tratamento de pacientes com mielofibrose a pedido da pedetista Flávia Morais (GO). Conforme explica Flávia, a mielofibrose é uma doença proliferativa da medula óssea bastante rara. Segundo a deputada, “até o momento, a doença não encontra no Sistema Único de Saúde métodos terapêuticos satisfatórios para o aumento da sobrevida”

A parlamentar acrescenta que, recentemente, descobriu-se o benefício de um tratamento eficaz, em análise pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS, para pessoas inelegíveis para transplante de medula e já empregado em outros países. “A melhora da qualidade de vida, diminuição de sintomas e a extensão da sobrevida com menor transformação em leucemia trazem expectativas animadoras para um grupo de pacientes não muito numeroso e que não dispõe de tratamento devidamente efetivo”, conclui.

Plenário 5 às 14h.