Projeto de Leo Prates prevê linha de crédito especial para vendedores ambulantes

Projeto de Leo Prates prevê linha de crédito especial para vendedores ambulantes

O deputado Leo Prates (PDT-BA) apresentou uma proposta para retirar trabalhadores da informalidade. Medida está prevista no Projeto de Lei 630/23 que gera linha de crédito especial para vendedores ambulantes cadastrados nas prefeituras.

As condições para o financiamento, como o valor limite para o crédito, a taxa de juros e o prazo para quitação serão definidos pelo Poder Executivo. O texto do deputado também prevê medidas para regulamentar e capacitar esses trabalhadores, como a realização de oficinas, palestras e eventos que estimulem o empreendedorismo.

O objetivo, segundo Prates é superar as dificuldades enfrentadas por esses trabalhadores para sair da clandestinidade. Ele cita alguns entraves, como as longas filas para credenciamento e a ausência de financiamento público para alavancar o negócio.

“Fatos que veem se agravando consideravelmente ao longo dos últimos anos diante da ausência de políticas públicas destinadas a esse segmento”, completou o parlamentar.

Tramitação
A proposta foi apensada ao PL 10193/18, que disciplina a atividade de comércio ambulante. As propostas serão analisadas, em caráter conclusivo, pelas comissões de Desenvolvimento Econômico; de Trabalho; de Indústria, Comércio e Serviços; e de Constituição de Justiça e de Cidadania.

Ascom Lid./PDT com Câmara de Notícias