Paulo Ramos: “nós vamos apresentar emendas para recuperar direitos de aposentados”

Paulo Ramos: “nós vamos apresentar emendas para recuperar direitos de aposentados”

Um dos autores do pedido de debate sobre a reforma da Previdência, realizado pela Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público, nesta terça-feira (16/04), o deputado Paulo Ramos (PDT-RJ) ressalta não ser verdade que a proposta do governo combata privilégios. Pelo contrário, na concepção do parlamentar, o projeto só vai agravar a perda de direitos dos aposentados que já vem ocorrendo nos últimos anos.

Ramos lembra ser de uma geração, antes do golpe de 1964,  em que o teto da aposentadoria era de 20 salários mínimos. “E a correção era de acordo com o número de mínimos da época da concessão”. Com os militares, o limite baixou para 10 salários mínimos, e chegou a cinco no governo de Fernando Henrique Cardoso. Ainda assim, sem a vinculação ao piso salarial. Com isso, como destaca Paulo Ramos, hoje, “quem se aposentou com dez ou quinze mínimos, recebe dois ou três”.

O deputado reafirma que o PDT se posicionou contra essa reforma e que suas sugestões no debate do texto serão para ampliar a proteção aos trabalhadores. “As minhas emendas vão ser para recuperar direitos”, assegura.

Ascom Lid./PDT