Comissão do Saneamento realiza debate com especialistas

Comissão do Saneamento realiza debate com especialistas

A pedido da deputada Flávia Morais (PDT-GO), a Comissão Especial do Saneamento (PL 3261/19) debate o assunto com especialistas nesta terça-feira (28). De acordo com Flávia Morais, apenas 85, dos 5.570 municípios brasileiros, contam com sistema de saneamento básico adequado. “A ausência de saneamento adequado e a falta de higiene têm impactos negativos significativos à saúde da população”, afirma.

De acordo com a deputada, dados do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), apontam a falta de saneamento e de higiene como fatores responsáveis por aproximadamente 88% das mortes por diarreia, segunda maior causa de óbitos em crianças de até 5 anos. Já estudos da Organização Mundial da Saúde (OMS), citados por Flávia Morais, apontam que 94% dos casos de diarreia no mundo devem-se à falta de acesso à água de qualidade e a saneamento

Convidados:
– presidente da Companhia de Saneamento de Goiás (Saneago), Ricardo José Soavinski;
– presidente da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), Cláudio Stabile;
– diretor-presidente da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), Benedito Braga;
– diretor -presidente da Companhia de Águas e Esgotos do Estado de Rondônia (Caerd), José Irineu Cardoso Ferreira;
– diretor-presidente da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), Carlos Eduardo Tavares de Castro.

Plenário 14, às 14 horas.

Ascom Lid/PDT