Marcos Rogério pode ler relatório sobre Cunha nesta quarta-feira

Marcos Rogério pode ler relatório sobre Cunha nesta quarta-feira

O deputado Marcos Rogério (PDT-RO), relator do processo sobre o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, deve ler no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara nesta quarta o texto final do relatório. No Conselho, aliados de Cunha tentam protelar a leitura da matéria.  O primeiro vice-presidente da Câmara, Waldir Maranhão, entrou com um pedido na Mesa Diretora para que a análise do processo seja retomada do início, sob o argumento de que, com a mudança do relator, seria necessário atender pedidos de vista feita pelo colegiado.

Marcos Rogério, que substituiu Fausto Pinato, criticou a decisão do primeiro vice-presidente. “Não se pode atuar em cima de decisões ilegais. A decisão que reformou a votação do Conselho é baseada em um fato inexistente: não houve questão de ordem e não houve reclamação formal decidida pelo conselho que justificasse o recurso ao presidente da Casa”, declarou.

O pedetista informou que a leitura do parecer vai depender de Waldir Maranhão rever a decisão ou de o Supremo declará-la ilegal. Nesse caso, informou, o voto apresentado será apenas considerando os aditamentos que incluíram novos documentos contra Cunha. Não havendo mudanças, o voto irá reiterar o parecer anterior e incorporar o aditamento.

Ascom Lid./PDT