Deputados debatem cortes no Orçamento da União para o Farmácia Popular

Deputados debatem cortes no Orçamento da União para o Farmácia Popular

A Comissão de Seguridade Social e Família debate, nesta quinta-feira (10/12), o corte do Orçamento da União (2016) de recursos destinados ao programa “Farmácia Popular”. Na audiência, proposta pelo deputado Sérgio Vidigal (PDT-ES), também serão discutidos meios para amenizar o impacto da medida na sociedade.

De acordo com o Projeto de Lei Orçamentário Anual (LOA), o corte efetuado pelo Palácio do Planalto chega a R$ 576 milhões no programa “Farmácia Popular” e sua extensão, incluindo o “Aqui Tem Farmácia Popular” e para o próprio Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Segundo Sérgio Vidigal, “a sociedade brasileira recebeu estarrecida a notícia sobre futuros e drásticos cortes orçamentários na área de saúde, já tão sangrada pela precariedade de serviços e insuficiência de recursos”.

Ascom Lid./PDT com assessoria do deputado