Conselho de Ética aprova parecer contra Eduardo Cunha

Conselho de Ética aprova parecer contra Eduardo Cunha

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar aprovou nesta terça-feira, por 11 votos a 9, o relatório preliminar do deputado Marcos Rogério (PDT-RO) que estabelece a abertura do processo disciplinar contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha.

Os contrários ao andamento dos trabalhos tentaram protelar e apresentaram pedidos de adiamento dos trabalhos, que foram derrotados pelo colegiado. Entre as alegações estavam a de que, com a retirada do deputado Fausto Pinato (PRB-SP), o processo teria que voltar para a estaca zero.

No entanto, Marcos Rogério apresentou o relatório e argumentou que o “parecer segue a mesma direção do parecer original, opinando pela admissibilidade da matéria. Os aspectos circunstanciais do voto não alteram a decisão final desse relator. Ainda que fosse o caso de nulidade do processo, a decisão da mesa de fato determina neste momento a continuidade do processo no Conselho de Ética”, declarou.

Com a aprovação do relatório preliminar, Eduardo Cunha tem 10 dias úteis para apresentar sua defesa escrita.

Ascom Lid./PDT