André Figueiredo propõe regulamentar atendimento em agências bancárias na pandemia

André Figueiredo propõe regulamentar atendimento em agências bancárias na pandemia

Agências bancárias de todo o país poderão adotar medidas excepcionais para combater o novo coronavírus. É o que prevê o Projeto de Lei 1635/20, do deputado André Figueiredo (PDT-CE). O texto altera a Lei 13.506/17, que trata da atuação do Banco Central.

Pela proposta, os bancos deverão, entre outros pontos, realizar o acesso de clientes por meio de agendamento prévio; oferecer álcool em gel a funcionários e clientes; promover dentro das agências o distanciamento de, pelo menos, dois metros entre as pessoas; e informar sobre a prevenção da Covid-19.

“Não se pode permitir que o atendimento se converta em aglomeração que termine por propagar o novo coronavírus, dificulte o controle da pandemia e coloque em risco a vida”, disse André Figueiredo.

O descumprimento das regras sujeitará o banco a penalidades como multa e proibição de realizar determinadas atividades ou modalidades de operação.

O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

Ascom Lid./PDT com : Agência Câmara de Notícias