Emenda de Vidigal à MP 821 agrega Ministério da Defesa à pasta da Segurança Pública

Emenda de Vidigal à MP 821 agrega Ministério da Defesa à pasta da Segurança Pública

Sérgio Vidigal (10)

O deputado Sergio Vidigal (PDT-ES) apresentou duas emendas ao texto da Media Provisória (MP) 821/18, que criou o Ministério Extraordinário da Segurança Pública. A primeira, torna o Ministério da Defesa em Ministério da Defesa e da Segurança Pública.

Para o deputado, a incorporação das duas pastas vai colaborar para a redução de despesas do governo e tornar mais efetivos os trabalhos em torno da segurança pública, principalmente nas fronteiras do Brasil.

“Queremos atender ao direito de todos os brasileiros à segurança pública e resguardar a defesa da soberania nacional, uma vez que o crime organizado no Brasil tem estreita relação com o tráfico internacional de drogas e de armas. Para que o desafio da segurança pública seja enfrentado de forma mais eficaz, é preciso coordenação com as ações de defesa de nossas fronteiras”, defendeu Vidigal.

Já a segunda emenda, retira a palavra “Extraordinário” do nome Ministério Extraordinário da Segurança Pública. Assim, a pasta recém-criada passará a ser denominada “Ministério da Segurança Pública”. O parlamentar comenta que a mudança será uma forma de garantir a permanência do ministério e o melhor andamento dos trabalhos em torno da segurança.

“A criação de um ministério voltado à coordenação das políticas de segurança responde a um antigo apelo da sociedade brasileira. Ao torná-lo permanente, vamos preservar as políticas públicas em torno da sua finalidade”, ponderou.

Ascom Lid./PDT com assessoria do deputado